Mapa

 

em 16/04/2013

 

Viver a pluralidade do santo Singular

e ser singular na pluralidade dos homens

 

Abrir caminhos ao fincar os pés no Caminho

e no Caminho saber andar pelas curvas e retas

 

Crescer a cada encolhimento da própria existência

e no crescimento da divina existência, diminuir-se

 

Encontrar sustento nos braços da celeste graça

e assim descansar da terrestre insustentabilidade

 

Exercitar-se ao silenciar as muitas falas da alma

e no silêncio das horas, calmamente existir

 

Dizer amém para poder ser,

Dizer vem, para poder ir.

 

 

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s